O IMPACTO DA POLÍTICA DE PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS NA MOTIVAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS: um estudo de caso no Supermercado Linhares

João Robson Barroso Procópio, Adriana Maria Vieira Mollica, Aline Carneiro Magalhães, Joás Weslei Bahia

Resumo


O objetivo deste estudo é fazer um estudo de caso na empresa “Supermercado Linhares”, de Astolfo Dutra/MG, para analisar o impacto da política de participação nos lucros na motivação dos funcionários. Este artigo utilizou-se de pesquisa descritiva, quantitativa, bibliográfica e estudo de caso, a fim de estudar a empresa no que ser refere à sua política de participação nos lucros. Para que o objetivo fosse alcançado, aplicou-se um questionário com 12 perguntas a todos os funcionários. De posse das respostas, chegou-se à conclusão de que a política de participação nos lucros da empresa tem um impacto positivo considerável na motivação dos funcionários.


Texto Completo:

PDF

Referências


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT, Rio de Janeiro. Normas ABNT sobre documentação. Rio de Janeiro, 2000. (Coletânea de normas).

ARAUJO, L. C. G. Gestão de pessoas; estratégias e integração organizacional. São Paulo: Atlas, 2006.

BARRETO, R. M.; PADUA NETO, A. de. Participação nos Lucros e Resultados (PLR) nas empresas petroquímicas da Bahia. A Bahia Análise & Dados, Salvador, v. 12, n. 3, p. 167-177, dez. 2002.

BERGAMINI, C.W. Motivação: mitos, crenças e mal entendidos. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 30, n.2, abr./jun. 1990. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2015.

________, Psicologia aplicada à administração de empresas, psicologia do comportamento organizacional. São Paulo: Atlas, 2008.

BRASIL. Lei n.10.101, de 19 de dezembro de 2000. Diário Oficial da União. Disponível em:. Acesso em: 28 abr. 2015.

CHIAVENATO, I. Recursos humanos: edição compacta. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1998a.

________. Teoria geral de administração. 4. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1998b.

________. Gestão de pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1999.

________, Gestão de pessoas. 2. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

________. Gerenciando pessoas: como transformar gerentes em gestores de pessoas. 4. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2002.

________. Iniciação à administração geral. 3. ed. Barueri: Manole, 2009.

CORRÊA, W. E. Participação nos lucros ou resultados: uma metodologia inteligente aplicável a todas as empresas. São Paulo: Atlas, 1999. 174p.

DELLA ROSA, Fernanda. Participação nos lucros ou resultados: um diferencial para o mercado competitivo. Disponível em:. Acesso em: 28 abr. 2015.

DEDECA, C. S. Racionalização econômica, emprego e relações de trabalho no capitalismo avançado (Tese de Livre Docência). Campinas: Unicamp, 1997.

FLIPPO, E. Princípios de administração de pessoal. São Paulo: Atlas, 1972.

FRANCO, J.O. Cargos, salários e remuneração. Curitiba: IesdeBrasil, 2008.

HERZBERG, F. Work and nature of man. Cleveland: The World, 1996.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

________. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2007.

LIKERT, R. A technique for the measurement of attitudes. Archives of Psychology, Michigan, n. 140, p. 44-53, 1932.

MARTINS, S. P. Direito do trabalho. 23. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

MASLOW, A. H. A theory of human motivation. 1943. Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2015.

MARINS, L.; MUSSAK E. 1. ed. Do querer ao fazer. Campinas: Papirus, 2013.

MARRAS, J. P. Administração de recursos humanos: do operacional ao estratégico. 3.ed. São Paulo: Futura, 2001.

MAXIMIANO, A. C. A. 4. ed. Introdução à administração. São Paulo: Atlas,1995.

________. Teoria geral da administração: da escola científica à competitividade na economia globalizada. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

MILKOVICH, G. T.; BOUDREAU, J. W. Administração de recursos humanos. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

NAKAMURA, C.C. et al. Motivação no trabalho. Maringá Management: Revista de Ciências Empresariais, v. 2, n.1, p. 20-25, jan./jun. 2005. Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2015.

OLIVEIRA, A. J.; SUPERTI, E.; Participação nos lucros e resultados - PLR: um estudo sobre as ferramentas de remuneração variável da administração participativa. Disponível em:. Acesso em: 30 abr. 2015.

PONTES, B. R. A competitividade e a remuneração flexível. São Paulo: LTr, 1995.

________. Administração de cargos e salários. São Paulo: LTr, 2000

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. rev. ampl. São Paulo: Atlas, 2007.

ROBBINS, S. P. Administração - mudanças e perspectivas. São Paulo: Saraiva, 2003.

TAMAYO, A.; PASCHOAL, T.A relação da motivação para o trabalho com as metas do trabalhador. Revista de Administração Contemporânea, Curitiba, 2003.

TELLA, A.; AYENI, C.; POPOOLA, S. Work motivation, job satisfaction and organizational commitment of library personnel in academic and research in Oyo State in Nigeria. Library, Philosophy and practice, 2007. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2015.

TUMA, F. Participação dos trabalhadores nos lucros ou resultados das empresas: incentivo à eficiência ou substituição dos salários? São Paulo: LTr, 1999.

VERGARA, S. C. Métodos de pesquisa em administração. São Paulo: Atlas, 2005.

WOOD JR., T.; PICARELLI FILHO, V. Remuneração estratégica: a nova vantagem competitiva. São Paulo: Atlas, 1999.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.