OS TRÊS CAMINHOS PARA A FILOSOFIA DO DIREITO PROPOSTA POR ALYSSON LEANDRO MASCARO NA CONTEMPORANEIDADE

Edson Antonio Sperandio

Resumo


Resumo: O objetivo deste trabalho é instigar o leitor a pensar e repensar nossa proposta filosófica para o direito. Propõe-se repensar, sobretudo, o método interpretativo para avançar para um horizonte de maior justiça social. O estudo foi pautado na revisão bibliográfica da obra Filosofia do Direito do professor Alysson Mascaro onde ele aborda os três caminhos da filosofia do direito contemporânea, mormente, a filosofia do direito juspositivista, não juspositivista e crítica. Como se verá, a filosofia juspositivista e a não juspositivista não são suficientes para atingir este desiderato. É preciso avançar para uma filosófica do direito crítica.


Texto Completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS

ARISTÓTELES. Ética a Nicômaco. Tradução de Luciano Ferreira de Souza. São Paulo: Martin Claret, 2015.

BOBBIO, Norberto. O positivismo jurídico. São Paulo: Ícone, 1995.

FOUCAULT, Michel. A verdade e as formas jurídicas (conferência). Tradução de Eduardo Jardim e Roberto Machado. Rio de Janeiro: Nau, 2013.

HABERMAS, Jürgen. Pensamento pós-metafísico: estudos filosóficos. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1990.

KELSEN, Hans. Teoria pura do direito. Tradução J. Cretella Jr e Agnes Cretella. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2011.

MASCARO, Alysson Leandro. Estado e forma política. São Paulo: Boitempo, 2013.

MASCARO, Alysson Leandro. Filosofia do direito. São Paulo: Atlas, 2018.

NAVES, Márcio Bilharinho. Marxismo e direito. um estudo sobre Pachukanis. São Paulo: Boitempo, 2008.

PACHUKANIS, Evguiéni B. Teoria geral do direito e marxismo. Tradução de Paulo Vaz de Almeida. São Paulo: Boitempo, 2017.

ZANIN, Cristiano; MARTINS, Valeska; VALIM, Rafael. Lawfare: uma introdução. São Paulo: Editora Contracorrente, 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.